­St. Trois lança coleção Enchanté FW21

­St. Trois lança coleção "Enchanté FW21"

A grife St. Trois, especializada em couro de cabra e peles naturais premium, acaba de lançar a coleção Fall Winter 2021, intitulada Enchanté FW21 St. Trois. Sensível às transformações impostas ao mundo pela pandemia e buscando ressignificar suas criações à realidade atual, a diretora criativa Gabriela Trois analisou o novo momento e mergulhou nos propósitos de sua marca. Assim, foi confeccionada a coleção Enchanté, "Prazer em conhecer você", em francês, que registra esse novo olhar à moda, à marca e às mulheres.

A coleção foi pensada na atemporalidade das peças e na sustentabilidade da matéria-prima, o couro, que pode passar de geração em geração. Essa nova visão fortaleceu ainda mais os valores já pertencentes à grife: alta qualidade das roupas, matéria-prima sustentável devido à longa duração das peças, bem como produção artesanal com modelagem única e impecável para mulheres que querem estar bem vestidas em todas ocasiões. A coleção já está disponível na loja sede em Porto Alegre (RS), no Instagram (@sttrois) e em breve no e-commerce. Além disso, a grife gaúcha já prevê outras surpresas ao longo da temporada.

Enchanté FW21

A coleção apresenta peças versáteis, atemporais e confortáveis, sem perder a essência requintada da marca, vão do estilo clássico chic, para ser usado com elegância em qualquer ocasião, às produções mais contemporâneas e exuberantes concebidas para momentos especiais. A FW21 St. Trois explora, ainda, o militarismo com cortes e elementos que remetem à temática e estampas clássicas, entre elas animal print e pied de poule. Babados, que proporcionam uma construção forte no look, e os modernos metalizados, trazendo um toque "glamour disco", também estão presentes. Assim, as apostas de looks da marca para a nova coleção são amplas, afinal quem sabia o que se viveria em 2021?

Entre as matérias-primas que são o DNA da marca, está presente o couro de cabra nas versões liso, stretch, double face (preto/off e marinho/eletro), para as peças reversíveis, sem forro ou em detalhes aparentes. O prada, couro "semiacabado" macio e com toque rústico, proporciona caimento leve à peça. Também estão presentes o couro de cobra python e peles naturais de raposa, coelho e lebre. Há também peças têxteis e tricot sempre acompanhadas de detalhes em couro, pele ou python.

A linha traz blazers, casacos, vestidos, saias, calças flare, entre outras modelagens. Também não poderia faltar as tão requisitadas jaquetas jeans com pele St. Trois, peça de muita repercussão nos últimos lançamentos. Na cartela de cores, atemporalidade e versatilidade dão o tom: os terrosos Chanel, cravo e caqui; os metalizados light pink, caqui e dark blue, além dos cools uva, eletro, lilac e Tiffany. A marca fugiu dos básicos sem deixar de apostar nos eternos e clássicos preto, marinho e off-white.

Inspiração para criar

Além da pesquisa de tendências, para o desenvolvimento das coleções a diretora criativa da marca, Gabriela Trois, se inspira no streetstyle, no momento atual e na sua própria visão do mundo e da moda. Como lembra Gabriela, a frase de Benjamin Simmenauer, professor do Institut Français de la Mode (IFM), diz tudo: "A moda é uma interpretação do momento. Isso é um grande desafio para os estilistas que terão de tornar a moda relevante novamente". Em consonância com o momento atual, a St. Trois se posiciona como uma marca sustentável, que produz moda duradoura e trabalha com matéria-prima proveniente de fornecedores certificados. Diferente do fast fashion, que entra e sai velozmente dos guarda-roupas, modelos em couro costumam durar uma vida inteira ou, ainda, passar de geração a geração.

Há dez anos no mercado, a St. Trois é reconhecida pela qualidade e perfeição no acabamento, resultado de sua expertise conquistada por mais de três décadas as quais se dedicou à produção de moda em couro de cabra para private label de tradicionais marcas brasileiras.

Ficha Técnica

Foto: Carlos Contreras

Edição de moda e Styling: Tanise Haas

Modelo: Helena Tzovenos (LOV Mgmt)

Quem escreve por aqui é Vanessa Vargas, Relações Públicas, empreendedora e mãe do Antônio.

Deixe uma Resposta