Sportmax outono inverno 2020

A coleção outono/inverno 2020/21 da Sportmax confronta tanto a iminência de um futuro hiper-tecnológico quanto a busca de uma conexão com um senso mais profundo de si. Uma dicotomia equilibrada entre dois cenários, a mais recente coleção Sportmax também permeia uma perspectiva positiva aberta ao diálogo, encontros e descobertas recíprocas.

A coleção Fall-Winter abraça um estilo que varia entre humor estruturado e futurista. A doçura das silhuetas femininas é tomada por uma autêntica sedução, sem estereótipos.  Na passarela, outwear, o eterno símbolo da marca ganha o centro das atenções; Capas, casacos, jaquetas e capas de chuva são criados com fileiras de botões não convencionais e modernizados com ombros exagerados, golas removíveis ​​e enfeites decorativos.

As jaquetas são geralmente definidas por volumes compactos que complementam saias curtas ou calças de cintura alta levemente flare. As mesmas calças e saias são casadas sem esforço com a elegância esvoaçante de blusas delicadas, enfeitadas com babados ou plissado na frente.

Coletes e corpetes em camadas são dominados por couro sintético em cores sólidas ou em prata combinados a seda fluida e vestidos de malha. O couro também é trabalhado em inserções plissadas ou com malhas, aparecendo em blusas, macacões, saias e calças.

Um elemento marcante é o look coordenado, completado com casacos e saias, unidos pelo mesmo material. As técnicas de alfaiataria derivadas do smoking foram estendidas para uma versão combinada de paletó e lapela de cetim. O jeans, incorporado com toques de duchesse, também é uma homenagem ao smoking clássico.

Os vestidos são peças importantes que revelam uma alfaiataria tradicional, com tecidos subjacentes e silhuetas assimétricas que facilitam o efeito tridimensional. Uma suavidade delicada acentua uma figura sinuosa.

A paleta de cores é uma mistura de tons neutros, como camel e cáqui, justapostos por cores mais profundas, como azul-marinho, cinza mescla - pontuado por branco, rosa e azul claro.

Estampas predominantemente florais, assim como o délabré e o jacquard são texturas que trazem um senso de leveza em todo o tema geral futurista.

As botas sobem além do joelho e com saltos esculturais. As sandálias com tiras no tornozelo, enquanto os tênis se inspiram em calçados de astronautas. O conceito de Era Espacial é ainda mais enfatizado pela presença de óculos ultra-cenográficos.

Quem escreve por aqui é Vanessa Vargas, formada em Relações Públicas pela UFRGS, empreendedora e mãe do Antônio.

Deixe uma Resposta