Havaianas

Artista gaúcho Jamaikah desenha para Havaianas

A Havaianas, em parceria com a Gerando Falcões, ecossistema de desenvolvimento social que atua em rede nas favelas, lança o projeto "Quebrada Cria", para fortalecer e impulsionar artistas de comunidades de todo o país.

"A favela é a maior startup brasileira, um berço de inovação para o esporte, a arte, a música, a gastronomia e o empreendedorismo. Havaianas abriu sua plataforma para retratar essa inovação e transformar em impacto social na ponta. Um case do que é ESG! Uma referência de uma empresa e uma ONG combatendo juntas a pobreza em escala nas favelas", destaca Edu Lyra, CEO e Fundador da Gerando Falcões.

Através de sua rede de talentos, Gerando Falcões e Havaianas selecionaram quatro nomes para retratar com suas expressões artísticas o que esses espaços significam para eles, estampando quatro modelos inéditos de sandálias. No time está o gaúcho Jamaikah (da Vila Helenita - Viamão, RS), a dupla Robézio e Tereza, do Acidum Project (Fortaleza e Caucaia, CE), Luis World (de Nacional, na periferia de Contagem, MG) e Wanatta (de Alto Vera Cruz - Leste de Belo Horizonte, MG). Para ampliar a presença dessas obras na favela, a marca venderá os produtos da coleção com um valor mais acessível nas regiões onde os artistas moram, assim como impulsionará a coleção nos mais de 250 mil pontos de vendas em todo o Brasil, oferecendo ainda mais visibilidade para eles.

Para Jamaikah, a estampa criada foi inspirada na sua infância, através de um encontro sensorial ocorrido na época. O desenho retrata sua lembrança afetiva de brincar na rua, ralar o joelho e olhar o céu cheio de pipas, que lhe traziam a sensação de liberdade e empoderamento. "Me questionei sobre o que eu pintaria e como trazer essas lembranças do que a quebrada representa para os produtos, e então comecei esse processo de aprofundamento de forma manual, colocando tudo no papel, fragmentando essa ligação que eu tenho com a natureza. Também busquei representar o meu crescimento em meio à zona rural, fazendo referência às brincadeiras e ao céu, que sempre nos acompanhava", explica Jamaikah.

"Mentes brilhantes nascem todos os dias no Brasil. A nossa marca Havaianas reconhece isso desde a sua criação, 60 anos atrás, e para incentivar novos talentos a mostrarem ao mundo sua arte, nos tornamos uma tela em branco para que eles criassem as estampas da coleção "Quebrada Cria". As solas das Havaianas serão mais um canal de divulgação do trabalho deles. Como forma de continuar incentivando a Gerando Falcões a dar mais oportunidades a jovens artistas, 7% do lucro das vendas será destinado para a associação. Nossa parceria quer dar ainda mais luz e recursos para que a Gerando Falcões continue essa potência de transformação social", afirma Beto Funari, CEO da Alpargatas.

Quem escreve por aqui é Vanessa Vargas, Relações Públicas, empreendedora e mãe do Antônio.

Deixe uma Resposta