LFW: Burberry apresenta coleção "Time"

A Burberry apresentou na última semana 'Time', a coleção final de Christopher Bailey para a marca, em uma instalação multissensorial que forma uma nova colaboração com United Visual Artists (UVA).

'Our Time', uma obra em empréstimo do Museum of Old and New Art (MONA), da Austrália, investiga a experiência subjetiva da passagem do tempo através de movimento, luz e som, e foi reimaginada em colaboração com Christopher, para oferecer backdrop para o desfile. Os pêndulos da instalação balançaram ao seu próprio ritmo ao decorrer da trilha sonora do desfile, criada por Jimmy Somerville, The Communards and Bronski Beat.

Modelos na passarela, que incluem estrelas de campanhas da Burberry do passado e presente, como Adwoa Aboah, Jean Campbell, Montell Martin e Edie Campbell – que apareceu em sua primeira campanha da Burberry em 2006 – revelaram a coleção, que revisitou ícones e códigos da casa, incluindo o trench coat, o aviador, a capa, o poncho e o casaco militar, assim como apresentaram novos designs.

O Rainbow check, em tradução livre xadrez arco-íris, a nova interação do símbolo mais icônico da Burberry e desenvolvido como parte da dedicação de Christopher em sua última coleção às comunicades LGBTQ+, apresentada em todo o desfile. Uma coleção cápsula, de peças de arquivo reeditado das décadas de 1980 e 1990, atualizada como parte desta coleção, está agora disponível para compra imediata.

Cara Delevingne

Cara Delevingne, descoberta por Christopher e pela Burberry há mais de sete anos, encerrou o desfile e levou a fila final em que modelos desfilaram sob um espectro de luzes de laser arco-íris.

Mais de 1.300 convidados estiveram presentes para assistir ao desfile, incluindo amigos e família Burberry, como Kate Moss, Naomi Campbell, Keira Knightley, Zendaya, Naomi Watts, Michelle Dockery, Naomie Harris, Iris Law, Lily James, Matt Smith, Jourdan Dunn, Kate Mara, Idris Elba, Domhnall Gleeson, Tom Holland, Paris Jackson, Chelsea Clinton, Nicholas Hoult, Poppy Delevingne, Alexa Chung, James Bay, Liam Gallagher, Gosha Rubchinskiy, Tessa Thompson, entre outros.

LONDON, ENGLAND - FEBRUARY 17: Alexa Chung (L) and Iris Law wearing Burberry at the Burberry February 2018 show during London Fashion Week at Dimco Buildings on February 17, 2018 in London, England. Pic Credit: Dave Benett

LONDON, ENGLAND - FEBRUARY 17: Paris Jackson wearing Burberry at the Burberry February 2018 show during London Fashion Week at Dimco Buildings on February 17, 2018 in London, England. (Photo by David M. Benett/Dave Benett/Getty Images for Burberry)

LONDON, ENGLAND - FEBRUARY 17: Sienna Miller wearing Burberry at the Burberry February 2018 show during London Fashion Week at Dimco Buildings on February 17, 2018 in London, England. Pic Credit: Dave Benett

"Minha coleção final aqui na Burberry é dedicada – e em apoio – a algumas das melhores e mais destacada organizações que apoiam a juventude LGBTQ+ no mundo todo. Nunca houve um momento tão importante para dizer que em nossa diversidade está nossa força e nossa criatividade." - Christopher Bailey Presidente e Chief Creative Officer da Burberry.

SOBRE A COLEÇÃO 'Time'

• Refletindo o passado. Celebrando o presente. Anunciando o futuro.

• Um patchwork de personagens e identidades. Uma colisão de ideias. Vestidos de festa com capuz. Renda com lycra. Floral e fleece. Técnico e precioso, romântico e preciso. Sabotando técnicas tradicionais para criar futuros finais de pensamento.

• Silhuetas: exageradas. Em conflito. Com camadas.

• Estampas: arco-íris. Jardim floral. Grafite. Tie-dye. Camuflagem. Pontos. Corações. Xadrez.

• Tecidos: Fleece. Borracha de silicone. Floral interligado. Renda suíça laminada. Tule. Aplique de acrílico. Pele falsa. Cashmere.

• Cor: Mínima a máxima

• Acessório:
- Apresentando três novas bolsas:
The Link, apresentada no 'xadrez 1983' finalizado em couro ou metal
The Belt Bag – uma bolsa de couro com cinto para homens e mulheres.
The Grommet – um novo formato - oversized, em couro macio com partes em metal.
- Tênis, loafers e brogues são desenvolvidos para serem usados com tudo, desde calças de abrigo a vestidos de renda assim como viseiras, beanies e bonés xadrez.

• Arco-íris: a apresentação do alegre novo símbolo para o futuro. Arco-íris tomam uma jaqueta bufante, capa de pele falsa e tricô oversized. Estourados, tie-dye e grafitados. Otimista e inclusiva, a bandeira arco-íris LGBTQ+ aparece em bolsas de xadrez vintage, tênis e Harrigtons reversíveis.

Vanessa Vargas

Quem escreve por aqui é Vanessa Vargas, formada em Relações Públicas pela UFRGS, Técnica em Produção de Moda pelo SENAC e estudante de Jornalismo na PUC-RS. Divide seu tempo sendo mãe do Antônio e atuando como Analista de Marketing.

Deixe uma Resposta